Abertura à insegurança e vulnerabilidade para aumentar o amor e a conexão

Olá amigos!

Recentemente eu encontrei o trabalho de Brené Brown. Na verdade, reencontrei. Em meio às minhas práticas de Mindfulness, eu me lembrei da sua palestra do TED, intitulada “O poder da vulnerabilidade”.

Faço questão de indicar esta palestra comovente e engraçada porque ela demonstra um aspecto fundamental da toda prática Mindulness: a abertura. Como somos seres imperfeitos, todos temos as nossas inseguranças, medos, dificuldades.

E é aqui que entra ao mesmo tempo a observação da própria vulnerabilidade e as práticas de Mindfulness que também envolvem compaixão.

Um querido amigo meu certa vez me contou a seguinte história. Imagine uma pessoa que você considera o máximo. Dependendo da sua formação pode ser o Papa, o Dalai Lama, um pastor, um músico, uma atriz… enfim… esta pessoa é especial e você é “fã” dela. Se você tivesse a oportunidade de passar 1 hora com ela, só você e esta pessoa especial, você não passaria?

Bem… e se esta pessoa especial fosse você e tudo o que você tivesse que fazer é passar 1 hora (ou pouco menos) em um processo de auto-observação? De atenção plena – contigo mesmo?

Muitas pessoas vão pensar que não é bem por aí. “Eu não sou como aquela pessoa especial”…

Isto no fundo salienta o fato de que nós não nos temos em boa conta. A nossa autoestima pode não ser tão elevada ou simplesmente nós queremos fugir de ver o que quer que seja que não queremos ver: nosso sofrimento, nossa dor, nossa vulnerabilidade.

E é justamente a partir daqui que o tema toca da palestra da Brown. Existem pessoas que percebem que tem inseguranças e medos, incertezas e dificuldades pessoais, mas não paralisam. Elas notam (mindfulness) o problema interno e não deixam que este problema impeça a realização ou, talvez, uma tentativa.

Por exemplo, alguém pode se sentir inseguro, mas apesar da insegurança, se abre e tenta iniciar um novo romance.

Mindfulness. Atenção plena conduz à compaixão e é facilitada pela autocompaixão. E autocompaixão é auto-bondade. Afinal, não precisamos nos julgar e nos culpar por seremos imperfeitos. Estamos tentando fazer o melhor e isso já basta.

Isto posto, recomendo muitíssimo os livros e vídeos de Brené Brown.

 

Publicado por

Felipe de Souza

Psicólogo (CRP 04/25443), Mestre (UFSJ), Doutor (UFJF), Instrutor de Mindfulness (Unifesp), Coach e Presidente do Instituto Felipe de Souza. Como Professor no site Psicologia MSN venho ministrando dezenas de Cursos de Psicologia, através de textos e Vídeos em HD. Faça como centenas de alunos e aprenda psicologia através de Vídeos e Ebooks! Loja de Vídeos e Ebooks. Você pode também agendar uma sessão de Orientação Profissional, de Relacionamentos ou a Supervisão Online com o Psicólogo Online. E não se esqueça de se inscrever em nosso Canal no Youtube!

One thought on “Abertura à insegurança e vulnerabilidade para aumentar o amor e a conexão”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Programa de 8 Semanas de Mindfulness - Individual e Online